Foto03-Instalando-caixa-

Você conhece esses dois itens que estão cada vez mais presentes nas instalações hidráulicas das pequenas obras: caixa de gordura e a caixa de inspeção ? No estado de São Paulo, elas já são obrigatórias em obras comerciais pelo código sanitário e estão sendo adotadas no setor residencial por muitas prefeituras e departamentos de água e esgoto.
Nesse artigo você vai:

  1. Conhecer a função e a diferença da caixa de inspeção e da caixa de gordura
  2. Acompanhar o passo a passo com dicas essenciais e fotos reais da execução
  3. Assistir dois videos com mais detalhes da instalação

Pra que servem ?
Esses dois componentes são parte das instalações hidráulicas de esgoto e, apesar de serem muito parecidos, tem funções diferentes.

  • Caixa de Inspeção: é uma peça fabricada em PVC ou em alvenaria que permite a manutenção da rede de esgoto como o uso de equipamentos desentupidores caso ocorra um entupimento (por exemplo por óleos e gorduras que ficam encrostados nas paredes da tubulação).
  • Caixa de Gordura: é uma peça também fabricada em PVC ou em alvenaria que funciona como um sifão separando óleos e gorduras do esgoto das pias de cozinha (exclusivamente) evitando que ela grude na parede da tubulação.

Dica: Se você não sabe se é obrigado ou não instalar essas peças na sua obra, é bastante razoável ligar no departamento de engenharia da prefeitura ou da concessionária de água e esgoto e confirmar a obrigatoriedade antes da obra. A instalação desses conjuntos hidráulicos após o fim da obra é muito custosa porque você terá que destruir trabalhos já finalizados.
Passo a passo para instalação em 6 etapas
A execução do serviço das duas peças é semelhante, e pode ser realizado em 3 passos:
#1) Encontrar a tubulação
O primeiro passo é encontrar por onde passa o tubo que você está procurando (esgoto da pia da cozinha para o caso da caixa de gordura e o esgoto geral da edificação para o caso da caixa de inspeção). Algumas dicas nesse aspecto:

  • Consultar o projeto da rede de esgoto;
  • Conversar com o pedreiro que executou a obra pode ajudar caso você não tenha o projeto da rede hidráulica;
  • Verificar em fotos da execução da obra;

Melhor macete: utilizar um vergalhão fino de aço e espetar a terra na região que você suspeita onde o tubo passa, quando você sentir que encostou em um anteparo, é provável que seja o duto procurado.

Mesmo após encontrar a tubulação, certifique-se que é ela mesma e não outra com o mesmo diâmetro que foi colocada próxima. Exemplo: tubulação de drenagem das águas pluviais.

#2) Instalação da peça
Corte o tubo na medida para o encaixe da peça e não se esqueça de não utilizar o sistema de esgoto caso não queira ter surpresas bem fedorentas desagradáveis jorrando pelo tubo.

Para a fixação final é provável que você precise de uma luva de correr e uma marreta para forçar a peça no encaixe (o espaço geralmente é pequeno e não dá para fazer força com os braços).

#3) Teste e finalização do serviço
Antes de fechar a tampa e enterrar de volta a tubulação, faça um teste abrindo a torneira ou acionando a descarga para ver se o caimento está correto e não há vazamentos nas ligações.

Cubra novamente a vala aberta com terra e faça os devidos acabamentos (grama, contrapiso, cerâmica). O produto está instalado e você pode dormir tranquilo.

Vídeos
Você também pode assistir a instalação de caixa de gordura e de inspeção nos vídeos abaixo que foram produzidos por um fabricante.

Instalação de Caixa de Inspeção

Instalação de Caixa de Gordura

Mais uma vez, certifique-se com o engenheiro hidráulico e com as autoridades que fiscalizarão a obra antes do fim se será necessária a instalação para você não ter surpresas e despesas com retrabalho.
Se esse artigo te ajudou, curta no botão do canto esquerdo da página !
Abraço e até a próxima dica.

Comentários (6)

Olá!
A caixa de inspeção é para colocar na saída de esgoto ou não? Fiquei confusa com o texto:
“[…] Corte o tubo na medida para o encaixe da peça e não se esqueça de não utilizar o sistema de esgoto caso não queira ter surpresas […]”
Na reforma da minha casa não foi colocada essa caixa, será que terei de quebrar o piso para colocar agora? Da mesma forma não foi colocado o ‘respiro’ no esgoto, agora o cheiro é terrível se não tomo certas precauções (tampar ralos). Nunca havia ouvido falar sobre esse ‘respiro’ antes, será que ainda é possível colocar? Gostaria de sugerir um artigo sobre isso!
Abs,
Lou Figueiredo

Olá Lou,
A caixa de gordura é instalada após a coleta do esgoto das pias, separando óleos e gorduras dos demais dejetos. Ela não deve ser instalada para receber esgoto sanitário (o que vem da bacia), por isso devemos evitar as “surpresas”.
Já a caixa de inspeção é sim instalada no tubo de coleta de esgoto da edificação inteira porque tem fins de manutenção eventual.
Sobre a sua reforma, você não precisa quebrar o piso e colocar na sua casa a não ser que a prefeitura obrigue. O cheiro ruim é provocado pela falta de sifão nos ralos, portanto compre “ralos sifonados” e peça para um pedreiro substituir os existentes.
Obrigado pela visita e pelos comentários!
Abraços

Obrigada pelos esclarecimentos! Abs.

Olá!
Estou com uma duvida minha pia fica longe da caixa de esgoto, aonde eu posso instala a caixa de gordura a distancia da pia até o esgoto é 3M,como resolver esse problema
Abs,
celso reis

Olá amigo, não entendi qual sua dúvida…

André Rafael Veríssimo

Bom dia, Giuliano! Como vai?
A caixa de inspeção, em imóvel térreo e residencial, pode ser instalada dentro de algum cômodo do imóvel (cozinha, banheiro) ou somente no quintal? Existe alguma norma técnica sobre o assunto? Grande abraço e obrigado!
André Rafael Veríssimo

Escreva seu comentário